Cozinha com Histórias 1

Três mulheres, uma bióloga com interesses diletantes, paixão e expertise em vinhos e boa comida, uma especialista em História de Arte e dedicada chef autodidacta, uma guia-intérprete que vibra com uma história bem contada, que gosta de reunir amigos, de uma boa conversa em redor de uma mesa bem apresentada e que cozinha para a equipa e artistas convidados do Palácio.

Estas três mulheres, Sasha Assis Lima, Maria João Martinho e Cristina Rodrigues Pereira vão pôr mãos à obra na bonita cozinha do Palácio do Sobralinho onde se ensaiarão receitas com Histórias que os participantes poderão aprender a fazer e degustarão no final de cada sessão. Passar um bom momento numa bela cozinha, conversando, experimentando e degustando em agradável companhia… eis o Cozinha com Histórias.

1ª Sessão | “Antes e Depois do Açúcar”
Sab 18 Abril, 16:00 (inclui degustação)

A Primavera é uma época celebrada desde a antiguidade através de rituais e festividades que anunciavam uma época de renascimento e de abundância. O “ovo” é o símbolo dessa vida e Pessah, o termo hebraico do qual deriva a palavra Páscoa, significa «mudança». Há várias festas na Primavera desde a Páscoa à tradição das Maias, do mês de Maio, na transição de 30 de Abril para 1 de Maio e festejada em vários pontos do país, tem como elemento comum a decoração das portas e janelas das casas com flores, no norte do país com giestas ou maias porque florescem em Maio.

Nesta edição da Cozinha com Histórias pretende-se celebrar a Primavera e falar de doces, tão apreciados nas épocas festivas. Para além dos adoçantes já utilizados na Antiguidade, a introdução da plantação da cana-do-açucar na ilha da Madeira, no séc. XV, foi fundamental para o desenvolvimento ímpar de uma gastronomia do doce elaborada nas cozinhas conventuais.

Ementa
Entrada: Arrobe com queijo regional
Bolo do Tacho acompanhado de Chá das Brumas
O medronho
Os formigos e a transição para os mexidos
O Pudim de Chá do livro de receitas de Domingos Rodrigues

Apresentação e confecção
Sasha Assis Lima e Cristina Rodrigues Pereira

Inscrições limitadas a 25 participantes
Local/Hora: Cozinha do Palácio do Sobralinho, 18 Abril 16:00
Preço: 15 € (inclui degustação)

Sasha Assis Lima Doutorada em Biologia (variante Ecologia Evolutiva) pela Universidade do estado do Arizona em Tucson. Paralelamente, tem desenvolvido um trabalho de pesquisa sobre a alimentação, em relação ao uso da terra e às tradições, através das fontes históricas, científicas e orais. Em Portugal, o tópico da alimentação e o interesse por redescobrir práticas antigas de gastronomia e a reutilização de produtos esquecidos, levou-a a colaborar com o Centro das Artes Culinárias do Mercado de Santa Clara, através de exposições de que foi comissária, tal como “Errâncias no Laranjal”, “Lacticínios, territórios e produtos” e “O Vinho e as Castas”. Colaborou também em “Alguidares, um utensílio para todo o Mediterrâneo” e “Comeres nómadas”. Como associada do Centro das Artes Culinárias, criou a Garrafeira que se propunha ser um centro de educação e degustação e, criou vários eventos de provas de vinhos, entre os quais o evento organizado para a Sciena e a Universidade do Algarve: A Pesca e a Gastronomia (os 40 brancos para acompanhar peixe).

Cristina Rodrigues Pereira Guia-intérprete nacional, licenciada em Turismo e Património pelo INP, ex-docente desta escola. Pós-graduação em Gestão de Ensino à Distãncia pela Universidade Complutense de Madrid. Membro da direcção e co-fundadora da Inestética Associação Cultural de Novas Ideias, membro da equipa dinamizadora de eventos do projecto Palácio – Espaço de Difusão das Artes, nomeadamente do espaço de debate FALA! Propostas para este Milénio e Cozinha com Histórias – Oficinas Gastronómicas. É ainda a responsável pelo catering da equipa e dos artistas convidados no âmbito da programação do Palácio – Espaço de Criação e Difusão das Artes (Palácio do Sobralinho).

Imagem no cartaz: Barbieri, Paolo Antonio – A Farmácia (1637)